segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Hoje abocanhei literalmente uma cabeça inteira de pai natal de chocolate. Não me parece que seja um bom sinal.

2 comentários:

Débora Orrico disse...

a minha sorte é que não tinha um pai natal de chocolate em casa, senão era exactamente o que tinha feito. chocolate preenche sempre qualquer coisa cá dentro, qualquer coisa que falta, um pedaço do coração, um bocado de nós, um buraco vazio. PRECISA-SE URGENTE DE CHOCOLATE PARA ESTES LADOS :|

(e pelos vistos para esse lado também. ou seja, a coisa está negra contigo também. já nos juntávamos no nosso imenso luto minha querida. bora comprar chocolates as duas amanhã? :)

Débora Orrico disse...

vi agora o teu comentário no meu, sabes como estou a precisar de ti? Muito, o meu limite está a tender para menos infinito, significa que isto está muitaaa mau. E as tuas palavras fizeram-me tãooo bem, amor. Não tens noção do quão és preciosa Tita, amo-te muito <3

That awesome feeling

Quando ontem à tarde duas pessoas dizem o mais banalmente possível: "Sim, a Buu é das pessoas mais simpáticas desta empresa" A...