quinta-feira, 31 de março de 2011

é amanhã, é amanhã.

fico sempre assim no dia antes de te ver. sempre pensei que isto com o tempo seria mais fácil, já teria uma certa habituação, já teria calo de passar uma semana sem te ver. uma semana! mas não, é sempre estupidamente difícil. e chega a quinta-feira e pareço sempre uma miúda que sabe que no dia seguir é Natal. não é, mas é ainda melhor.

terça-feira, 29 de março de 2011

e assim de repente,

tenho a dizer que este é capaz de ser o semestre mais feliz de todo o meu curso, e que eu até gosto de 4 em 5 das cadeiras e que vou a todas as aulas, e que - wow, prestem atenção - até sou capaz de ter encontrado o meu lugar. E que não me custa por aí além levantar de manhã, e que ando com um sorriso na cara. Ando assim, um bocadinho estupidamente feliz sim.

e era capaz de pedir também que este semestre nunca acabasse.

domingo, 27 de março de 2011

‘You’re the one thing I can’t get enough of,

So I tell you something, this could be love

Time of my Life – Dirty Dancing


terça-feira, 22 de março de 2011

parabéns meu urso.

se aqui há algum tempo me tivessem dito que iria ficar contigo ter-me-ia rido a bom rir. nem precisava de ser há muito, basta regressarmos ao verão. bastava ter sido aí. teria respondido com um riso e depois dizia que tu não me querias a mim e com outro riso teria encerrado a conversa.
a verdade é que eu não te conhecia, sabia apenas o que me diziam de ti. e eu tinha noção que tu eras um bom miúdo. demasiado bom até. já na altura me parecias algo fora do normal, qualquer coisa de extraordinário, mas não eras definitivamente para mim. e tive assim um verão estupidamente feliz com o meu coração mais livre como nunca o tinha tido. e foi por isso, por o ter saudável e com todas as cicatrizes saradas, que tu entraste pela minha vida dentro com uma facilidade e com uma naturalidade que ainda hoje me surpreendo. e foi com uma coincidência daquelas que acontecem num milhão que nos apercebemos que estávamos ali tão perto um do outro e que nunca nos tínhamos visto de verdade.
no início foi difícil. estupidamente difícil. quis guardar-te só para mim, fiz de ti a minha pedra preciosa. ninguém soube, ou sonhou sequer. o erro era meu, e só meu. e forcei-me tanto por acreditar nisso. que era um erro.
mas depois tu vieste - com gomas, e bom cinema e quedas no skate - e fizeste o impossível possível. e pensar que eu ponderei seriamente em deixar os meus requisitos...tu chegaste e começaste a preenchê-los todos, um a um.
hoje fazes 18, e mereces o melhor, sempre o melhor. por isso hoje o dia não é sobre mim, é todo sobre ti. sobre ti e da minha vontade que eu tenho de dizer que tu és só o melhor do mundo. onde é que eu ia arranjar alguém com a tua criatividade, a tua inteligência, a tua maneira de escrever, o teu sentido de humor? realmente, em lado nenhum.

tu és verdadeiramente especial, nunca te esqueças disso

segunda-feira, 21 de março de 2011

finalmente acabou-se disto

e agora só quero mesmo disto

bem-vinda primavera, vem em força sim?

domingo, 20 de março de 2011

e não é que

contra todas as expectativas, tive um dia daqueles assim estupidamente feliz. Não sei muito bem porquê, se foi do sol e do calorzinho, se foi do meu cabelo que esteve bem disposto, se foi das mensagens fofinhas que recebi. A minha mãe lá teve de me gramar a cantar em alto e bom som tudo o que era música que passou na rádio enquanto estudava, e até o Ciclo de Krebs me pareceu relativamente simples e era capaz de jurar que já sei os intermediários e as enzimas todas de cor. E agora para acabar bem o dia, caiu que nem ginjas um grande episódiozinho do Glee como já não havia há umas boas semanas.

suspirooo.

o que eu gosto

de ficar em casa a estudar quando hoje vão estar nada mais nada menos 23º! e quando para o resto da semana vem chuva outra vez, a sério, o que eu gosto de desperdiçar estes dias fechada no escritório.

quarta-feira, 16 de março de 2011

agora tenho a mania que sei fazer origami

Desde que fiz um coração em origami à primeira por um vídeo no youtube para o dia dos namorados (sim, sim, ideia muito original, obrigada obrigada) fiquei com esta mania, ou melhor, com esta confiança que sei fazer origami. Vai daí e tive uma ideia brilhante para os anos do urso e fazer um conjunto (querias saber de quê não era? vais ter de esperar até à próxima semana) de uns três bonequinhos em papel dobrado. Pois claro, eu até tenho um jeito enorme para trabalhos manuais, quem me conhece sabe que sim, que eu sou tão harmoniosa e habilidosa.
Já estou com os cabelos em pé, é o que é, e ainda nem comecei. Estou com os olhos em bico só de ver as imagens e os vídeos. Mas eu vou conseguir, ah pois vou. E depois deixo aqui as fotografias que isto é coisa para ser vista em toda a blogosfera.

Adenda: já fiz os protótipos de dois e tenho a dizer que até estão bastante bem, afinal sempre sou uma mestra nisto: muahahahah.

saudades.

ainda bem que hoje não me respondes no skype, ainda bem que não estás no msn, nem no facebook, nem nessas invenções tecnológicas todas que inventaram para diminuir a distância entre as pessoas. ainda bem. hoje só ia servir para berrar (ou escrever com pontos de exclamação e mau humor a transparecer) que não devias ter ido para esse cu de judas e que tenho assim um milhão de saudades tuas. nem aconteceu nada, não há nada para contar, continua tudo igual por cá. não digo que seja mau - obviamente - eu estou bem como há muitos anos não estava, mas faltas-me cá tu para ter assim uma felicidade quase total. faltas-me tu e isso hoje está-me a irritar especialmente. hoje queria-te mesmo ter aqui, a uma distância de 8km que já não era nada mau. a uma distância de uma viagem na tua scooter laranja. é que já passaram 2 meses e meio e eu já estou a entrar no limite. não faço ideia como é que vou aguentar mais 5 meses. é que não faço ideia mesmo.

domingo, 13 de março de 2011

eu até podia vir falar da estranheza que foi a tarde, é que tinha tanto para dizer que nem sabia bem por onde começar. mas venho aqui, e isso parece-me tão insignificante, que só me apetece postar isto:


terça-feira, 8 de março de 2011

Domingo

Domingo again. Sabem o que é que me está a apetecer mesmo mesmo? Cobertor, aquecedor, sofá e isto pela milésima vez. Não me importava de substituir o meu aquecedor por um certo urso que conheço, mas não dá para isso.

Ah, espera, mas hoje é terça. Raios, ia jurar que hoje era domingo.

sábado, 5 de março de 2011

can we pretend that airplanes in the night sky are like shooting stars? i could really use a wish right now.

(no? damn it.)

estou a ficar velha, só pode

ontem nadei 750m em 45min (o que nem é muito). resultado: hoje dói-me tudo. tudo o que é braços, pernas, ombros, pescoços, barrigas. doí-me tudo. e para a semana há mais. god help me.

That awesome feeling

Quando ontem à tarde duas pessoas dizem o mais banalmente possível: "Sim, a Buu é das pessoas mais simpáticas desta empresa" A...