quinta-feira, 14 de abril de 2011

podia estar a adiantar o estudo da próxima semana (ui, então não), podia estar a ler os quilos de livros que tenho atrasados, podia estar a ver um filme ou uma série qualquer no pc, podia ir pôr a mesa, podia ir acabar de arrumar o quarto, podia ter ido sair, raios, podia mesmo ter ido sair, mas não. estou para aqui a ouvir Adele e a brincar com o telemóvel e a fazê-lo dar cambalhotas na minha mão à espera que ele acenda uma luzinha e apareça '[1] mensagem'. não 1 mensagem qualquer. a mensagem. cheira tanto a desespero que é vergonhoso.

(a saga do tédio continua.)

Sem comentários:

Aos 25

Passei a meia-noite de 7 em Budapeste com uma das minhas melhores amigas e foi o melhor dia de anos de sempre. Entre almoçar McDonalds e jan...