sábado, 21 de janeiro de 2012

esta é uma frase feita para mim.


É o que me faz diferente dos outros. Não seria eu se não fosse aquela esquecida a quem falta sempre alguma coisa, aquela que tropeça em todo o lado, aquela que diz coisas do nada que não fazem sentido nenhum para a conversa, aquela que se ri desalmadamente e não consegue parar mesmo quando já está tudo a olhar e a dizer 'Buu, a sério, já chega', aquela que canta desafinadamente na rua, aquela que se esquece da chave em casa, espera meia hora na rua pelo pai e depois descobre que afinal tem a chave no bolso. São essas pequenas coisas que me definem. E eu gosto de ser assim.

3 comentários:

S* disse...

És tu. Única.

'stracciatella disse...

Pela descrição, you sound lovely!

м♥ disse...

eu também sou um bocadinho weird. E gosto :)

Lá vou eu, a alta velocidade

Meses a ansiar por Junho e Junho chegou. Possivelmente um dos meses mais stressantes da minha vida, onde vi as minhas maiores olheiras de se...