quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

quanto ao exame,

correu benzinho. Era fácil, não me posso queixar. O problema foi a minha estúpida memória que não conseguiu sugar tudo e por isso lá ficaram umas coisas em branco e outras completamente inventadas. Enfim, logo se vê. Se for preciso vou a melhoria, ninguém morre.

Mas o mais estranho é...não é que até fiquei a gostar daquilo?

Sem comentários:

Considerações sobre o dia de hoje

Serei a única pessoa que não está de férias?