A minha vida dava um filme daqueles estranhos, bem estranhos mesmo

Mas acho que numa só frase vos consigo resumir o que aconteceu ontem ao final da tarde:

Fui com um rapaz que mal conheço e que a minha impressão sobre ele é que era giro e simpático, a segunda impressão é que era gay, mas que depois confirmei que era hetero porque o vi acompanhado ao Colombo, à loja da Pandora comprar-lhe um fio e uma conta para a namorada dele.

Não sei se fiz entender. Nem eu entendi na altura!

Estava eu a ir descansadinha para casa quando ele meteu conversa comigo e depois - grande lata! - me perguntou se podia ir com ele ao Colombo fazer aquilo que já vos contei. E eu? Eu fiquei estúpida a olhar para ele e depois lá disse que sim. E fomos. E apesar de eu não gostar de Pandoras (acho mesmo pouco originais e comerciais, e vou ser apedrejada mas... ficava triste que me dessem uma) lá o ajudei a escolher. No fim tive direito a um gelado de duas bolas da Haggen-Dazs, marca que nunca tinha provado na minha vida - mas que não é mesmo nada de especial.

Passado três horas estava de regresso a casa, e com um sentimento estranho dentro de mim. É, parece que agora tenho um amigo em Lisboa. Meio estranho, mas meu amigo. Acho eu.

Comentários

м♥ disse…
isso é mesmo estranho, mas bem, ganhaste um amigo :)
pastora disse…
compreendo-te! também não gosto nada de amigos! muhahaha
Ce. Morena disse…
Bem, que coisa mais estranha. Mas parece-me que fizeste uma boa acção. (:

R: Obrigada mais uma vez pela disponibilidade Buu. Quando for para Lisboa, talvez queiras mais uma amiga para além desse da Pandora? (;
agatxigibaba disse…
"acho mesmo pouco originais e comerciais, e vou ser apedrejada mas... ficava triste que me dessem uma" - high five! *
Inês disse…
Mesmo que estranho, é sempre bom ter um amigo ahah!
Ce. Morena disse…
Novo blog Buu! (:

Beijinho*

Mensagens populares deste blogue

but life still goes on.

Run forrest run