terça-feira, 24 de setembro de 2013

Do fim de Dexter (spoiler alert!)

Quando começou Dexter era uma série do mais alto nível. Com uma premissa muito boa e fora do vulgar tinha tudo para dar certo. Embora tivesse perdido alguma força na 3ª temporada (achei-a tão má que nem a consegui ver toda), voltou em força na 4ª, e as seguintes foram constantemente boas. Até chegarmos à última. Depois de uma penúltima temporada muito forte e com a Jennifer Carpenter a fazer um papelão como Debra, estava o caminho aberto para o fim ser bom, muito bom.

Mas não foi. A última temporada foi uma confusão. Os autores limitaram-se a lançar temas uns atrás dos outros sem um fio condutor e de uma forma completamente atabalhoada. Foi a entrada da Vogel - porquê senhores, porquê? - foi o assassino que tirava partes do cérebro e lhas mandava, foi o pseudo-aprendiz, foi a reentrada da Hannah, foi o Oliver Saxon que afinal era filho da Vogel. Resumindo: foi muita coisa em apenas 12 episódios, para além de que houve coisas completamente desnecessárias.

O que faltou a Dexter foi o conflito. Enquanto que em Breaking Bad os autores não têm medo e a pouco e pouco tudo começa a ser revelado e a série está a acabar no topo do topo, em Dexter tudo se resolveu de forma fácil. O fim tinha sido espectacular se tivessem descoberto quem ele era, que a Debra tinha morto a LaGuerta, que ligação tinha afinal o Matthews com a família dos riquinhos, que a Hannah tivesse sido apanhada, quem era a Vogel na verdade, se o investigador privado tivesse sido útil e não apenas uma personagem absolutamente acessória.

Mas não. Os autores ficaram-se pelas fugas fáceis e fizeram um último episódio que é possivelmente o pior de toda a série. O Harrison fica com a Hannah na Argentina - ninguém vai querer saber dele é?, a Debra morre porque é mais conveniente, o Dexter finge a sua própria morte e afasta-se de todos e passa a ser lenhador. A sério?! Coisa mais rídicula e vergonhosa.



Quem me dera que afinal a imagem acima tivesse sido um prenúncio do que iria acontecer - mas não, foi só uma promo que a Showtime resolveu publicar porque sim.

1 comentário:

amigos das onze horas disse...

esse é o problema das séries...tanto querem fazer render a série que esta deixa de ter conteúdo

Nada que uma boa noite de sono não resolva

Chegou a terça-feira e tinha uma dor de cabeça horrível e sentia um cansaço generalizado. O meu corpo estava a suplicar-me para parar de mar...